terça-feira, Abril 22, 2008

Um Mundo de Estranhos, Nadine Gordimer

Nadine Gordimer foi Nobel da Literatura em 1991. Sul Africana, é habitual escever sobre o regime do Apartheid e os problemas que assolaram o seu país. "Um mundo de estranhos" é um dos exemplos da preocupação com as injustiças dum regime que hoje é difícil de entender.
Um romance em que a personagem principal e narrador, Toby, deambula entre o mundo de ostentação dos brancos e os bairros negros de Joanesburgo, sem que uma vida se intrometa na outra.
Do ponto de vista das relações sociais e políticas da época, é um livro muito interessante. No entanto, autora perde-se em descrições desnecessárias e que nada acrescentam à história, com um final que fica muito aquém das expectativas: ficamos com a sensação que o livro acabou a meio.

4 comentários:

Anónimo disse...

Eu estou a ler esse mesmo livro e realmente cansa um bocado ler o livro por causa da descrição exagerada que a autora faz.

Anónimo disse...

Tenho pena que o resumo do livro não esteja na Internet, pois eu gostava de conhecer melhor o meio ou o fim, mas sem o ler de inicio, pois é muito cansativo de ler...

Anónimo disse...

狗屁

Anónimo disse...

狗屁